Gerson Sorgetz

Gerson Sorgetz

Sou natural de Gramado e aprecio temas da política, pois trata-se de uma herança familiar. “Sempre bom lembrar que meu pai, seu Rudy Sorgetz (in memoriam), foi o primeiro Diretor-Secretário da Câmara de Vereadores de Gramado e gostava de política”.

SAIBA MAIS

Aos 83 anos faleceu o ex-vereador e músico Ivo Egídio Michaelsen

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

O ex-vereador e músico Ivo Egídio Michaelsen faleceu na madrugada desta sexta-feira, dia 21, aos 83 anos de idade. Ele lutava contra um câncer. Egídio nasceu no dia 04 de janeiro de 1938, na Serra Grande, em Gramado. Era casado com Leony Sperb Michaelsen e pai de cinco filhos: Vânia (in memoriam), Victor, Everton (ex-vereador), Hector e Patrícia. Em junho de 2018, Egídio foi agraciado pela Câmara de Vereadores com uma Moção de Aplausos em reconhecimento à importância dos serviços prestados no Município.

Egídio foi um exímio músico em Gramado. Suas composições foram solicitadas por mais de 20 Bandas do Sul do Brasil. Mais de 60 músicas foram gravadas pelas melhores Bandas da época: Flor da Serra, Tricolor, América, Chopão, La Montanara, e ainda hoje são sucesso e tocadas em diversas emissoras.

Em agosto de 1977 foi aprovada a lei que cria a Banda Municipal em Gramado. E a pedido do então prefeito municipal, Nelson Dinnebier e do Secretário de Educação e Cultura, professor Pedro Gomes da Silveira, Egídio selecionou, organizou e ensaiou a banda para o Desfile do dia 07 de setembro, com músicos gramadenses de municípios vizinhos. Esta formação durou basicamente até 1984. Em 1985 a reforma foi total. Começou-se um trabalho com jovens de 11, 12 e 13 anos de ambos os sexos, com a aprovação do prefeito Pedro Henrique Bertolucci. A ideia era formar ou preparar uma Banda 100% gramadense, e isto se tornou realidade.

Este trabalho foi até 1998 onde passaram pelo grupo mais de 120 jovens selecionados. Hoje, desses, mais de uma dezena atuam como músicos profissionais, professores ou regentes.

Egídio foi também cinco vezes Vereador, sendo eleito em 1982 e assumindo pela primeira vez em 1983, depois tomou posse também nas legislaturas de 1989 – 1992 – 1993 – 1996 e 1997 – 2000 e 2001 – 2004. Ele foi líder de bancada, líder de governo, membro das Comissões de Constituição e Justiça e de Orçamento e Finanças, bem como de outras temporárias que aconteceram durante esses 21 anos. Egídio também foi eleito Secretário da Mesa Diretora, Vice-Presidente do Legislativo e Presidente, de forma unânime. Ele presidiu a Câmara de Gramado em 2004, último ano de vida pública.

Ivo Egídio Michaelsen será velado na Capela do bairro Planalto nesta sexta-feira (21) das 13 às 15 horas.

Foto – reprodução

Outras Notícias